Amanda Nunes é favorita para manter o cinturão diante de Holly Holm

Segundo a Oddsshark, brasileira paga R$ 1,27 para cada R$1 apostado, enquanto norte-americana rende R$ 3,80

A. Nunes (foto) é favorita contra Holm. Foto: Reprodução/Instagram @amanda_leoa

O UFC 237, marcado para este sábado (6), em Las Vegas (EUA), terá a luta de Amanda Nunes com Holly Holm. Neste embate, a brasileira vai defender o cinturão do peso galo diante da norte-americana, que já foi campeã da categoria. Outra disputa de cinturão do evento será entre Jon Jones e Thiago Marreta nos meio-pesados.

Veja Também

Vitória de Thiago Marreta sobre Jon Jones pode mudar a vida do lutador brasileiro e deixar você de bolso bem cheio
Cinco motivos para assistir ao UFC 239, com Jones x Marreta e Amanda x Holm

Amanda Nunes, baiana de 31 anos, nascida em Salvador, conta com o cartel de 17 vitórias e 4 derrotas, estando com uma invencibilidade de 8 embates. Vale ressaltar também que ela é dona do cinturão do peso-pena. Durante a sua carreira, a brazuca superou nomes importantes do MMA como a badalada Ronda Rousey, Germaine de Randamie e Miesha Tate. O triunfo mais recente ocorreu em dezembro do ano passado sobre a compatriota Cristiane Justine, conhecida como Cyborg, com um nocaute. Olha, vale ressaltar que nocautear as adversárias é a sua especialidade. Quatorze resultados positivos foram conquistados desta maneira. O interessante é que Holly nunca foi nocauteada. Será que chegou a vez dela?

A soteropolitana é grande favorita para deixar a T-Mobile Arena com mais uma vitória em seu currículo, estando avaliada em R$ 1,27 a cada R$ 1,00 aplicado por você, indica o OddsShark. Caso vença, Amanda Nunes chegará a marca de ter derrotado todas as ex-campeãs dos pesos galo e pena.

Do outro lado o octógono, Holly Holm, de 37 anos, busca recuperar o cinturão do peso-galo que já foi seu em 2015, quando derrotou Ronda Rousey. A perda do título veio um ano depois, no revés sofrido para Miesha Tate. Atualmente, o cartel de Holm contabiliza 12 vitórias e 4 derrotas. Em junho do ano passado, ela superou Megan Anderson na decisão dos juízes.  A cota da gringa nas apostas é de R$ 3,80.

Cláudia Gadelha x Randa Markos

A potiguar Cláudia Gadelha, de 30 anos, é outra lutadora brasileira que vai entrar em ação no fim de semana. Pelo peso-palha, a nordestina também é vista como favorita, assim como Amanda Nunes, na luta contra a iraquiana naturalizada canadense Randa Markos.

Apesar de ser apontada com mais chances de triunfar, Gadelha vem de derrota para Nina Ansaroff em dezembro de 2018. O histórico dela é de 16 resultados positivos e 4 negativos. Já Randa tem um cartel extremamente irregular, com 9 triunfos, 6 reveses e 1 empate. Em fevereiro deste ano, ela passou por Angela Hill.

Novamente segundo o OddsShark, dá para perceber bastante a diferença de uma atleta para outra, tanto que a brasileira, quinta do ranking, paga R$ 1,41, contra R$ 2,90 da oponente, que ocupa apenas a 14ª colocação.

Confira as lutas e as cotas do UFC 239:

CARD PRINCIPAL

A partir das 23h, no horário de Brasília

Jon Jones (R$ 1,16) x (R$ 5,00) Thiago Marreta – Peso meio-pesado

Amanda Nunes (R$ 1,27) x (R$ 3,80) Holly Holm – Peso galo

Jorge Masvidal (R$ 2,95) x (R$ 1,40) Ben Askren – Peso meio-médio

Jan Blachowicz (R$ 2,50) x (R$ 1,54) Luke Rockhold – Peso meio-pesado

Diego Sanchez (R$ 3,50) x (R$ 1,30) Michael Chiesa – Peso meio-médio

CARD PRELIMINAR

A partir das 19h15, horário de Brasília

Gilbert Melendez (R$ 3,90) x (R$ 1,26) Arnold Allen – Peso pena

Cláudia Gadelha (R$ 1,41) x (R$ 2,90) Randa Markos – Peso palha

Alejandro Perez (R$ 2,75) x (R$ 1,44) Song Yadong – Peso galo

Marlon Vera (R$ 1,18) x (R$ 4,75) Nohelin Hernandez – Peso galo

Edmen Shahbazyan (R$ 1,16) x (R$ 5,00) Jack Marshman – Peso médio

Ismail Naurdiev (R$ 1,22) x (R$ 4,50) Chance Rencountre – Peso meio-médio

Julia Avila (R$ 1,42) x (R$ 1,85) Pannie Kianzad – Peso galo

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário