Em verdadeira guerra, Weili Zhang bate Joanna Jędrzejczyk e mantém título das palhas no UFC 248

Chinesa mantém posto de campeã por pontos em grande batalha com polonesa em uma das lutas mais agitadas da noite

W. Zhang segue como campeã do UFC. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Um verdadeiro espetáculo. A frase pode resumir o encontro entre Weili Zhang e Joanna Jędrzejczyk na luta co-principal do UFC 248, realizado neste sábado (7), em Las Vegas (EUA). Com o título das palhas (até 52,1kg.) em jogo, a chinesa e a polonesa cumpriram a promessa e promoveram um grande show para o público presente na T-Mobile Arena. Após cinco rounds de muita movimentação, Zhang foi declarada a vencedora na decisão dividida dos juízes.

Veja Também

VÍDEO: Assista a guerra entre Weili Zhang x Joanna Jedrzejczyk no UFC 248
VÍDEO: Assista a vitória de Israel Adesanya sobre Yoel Romero no UFC 248
Em luta morna, Israel Adesanya derrota Yoel Romero por pontos no UFC 248 e segue campeão dos médios
Alex Cowboy derrota Max Griffin no UFC 248 e afasta má fase na organização
Vídeo: Assista a finalização de Rodolfo Vieira sobre Saparbeg Safarov no UFC 248

Weili subiu ao octógono com o compromisso de manter seu reinado na divisão e ampliar uma invencibilidade que durava 10 apresentações. Com uma derrota em seu cartel, a chinesa, que se tornou campeã da categoria em agosto, depois de bater Jéssica Andrade na luta principal do UFC Shenzhen, precisava frear o ímpeto da polonesa, que já foi a número um da divisão.

Desde o primeiro assalto, as atletas ditaram o ritmo de uma luta tensa. Com intensa trocas de golpes, as combatentes apostaram e aceitaram a luta em pé e saíram, após cinco rounds, com os rostos bastante magoados.

A luta

O combate começou com Zhang tomando a iniciativa com um jab de esquerda e um chute baixo. A polonesa respondeu com dois chutes e seguia se movimentando no centro do octógono. Jędrzejczyk conectou um bom direto de direita que explodiu no rosto da chinesa. Weili contra-atacou com um jab e um cruzado. O combate seguia tenso com as duas combatentes desferindo bons ataques no centro do octógono. As lutadoras sorriam uma para a outra mostrando que não acusaram os golpes. Jędrzejczyk voltou a conectar um bom direto na cabeça da campeã, que respondeu com uma sequência de socos. No minuto final, a luta seguia franca, com possibilidade de nocaute para as atletas. O round terminou com as duas atletas sendo aplaudidas pelo público.

No segundo assalto, as lutadoras voltaram aceitando a trocação franca. A polonesa atacou a chinesa com uma sequência de socos que foram imediatamente respondidas pela campeã. As combatentes mostravam muita capacidade de absorver os potentes golpes sofridos. Passados quase dois minutos, Zhang tentou aplicar uma queda na polonesa, que se defendeu. Joanna conseguiu se afastar e o duelo voltou a ser disputado no centro do octógono. Chegando na marca de dois minutos, a chinesa conectou um ótimo direto de direita no rosto da polonesa, que acusou o golpe.  A campeã partiu para cima de Joanna, que caminhava para trás e tentava se recuperar. Aos poucos, Jędrzejczyk voltava para o confronto e passava a soltar seus ataques. Nos segundos finais, a polonesa conectou um chute alto na cabeçada adversária, que sentiu, mas não havia mais tempo.

A terceira etapa começou com Zhang partindo para cima da polonesa. Joanna caminhava para trás e seguia se defendendo. Jędrzejczyk seguia perigosa nos contra-ataque e, por muitas vezes, tocava o rosto da adversária. Joanna seguia em vantagem no confronto, apresentando um maior volume de golpes. Passados dois minutos, Weili passou a tentar levar o confronto para o chão, mas a polonesa se defendia bem. Joanna desferiu um chute, mas acabou tendo aperna segurada por Zhang, que respondeu com um direto na cabeça da rival. O público vibrava com cada ataque soltado pelas lutadoras.

O duelo retornou com as combatentes se atacando como nos assaltos anteriores. A cada golpe desferido, as atletas respondiam na mesma moeda. Passado a metade do round as atletas seguiam atuando em ritmo intenso. Zhang conectou um bom direto no rosto da polonesa, que respondeu com uma sequência de socos. No minuto final, polonesa partiu para a luta agarrada e passou a pressionar a chinesa na grade. Zhang reverteu a situação, mas conseguiu se afastar da oponente.

Antes do último assalto, a polonesa mostrava incômodo com um inchaço na sua cabeça. Jędrzejczyk tomou a iniciativa com um direto e um chute na linha de cintura de Weili. As atletas seguiam atacando com ritmo intenso e não paravam de desferir ataques. A campeã conectou um bom direto no rosto da polonesa, que começou a caminhar para trás. Zhang insistia nos ataques, soltando chutes baixos e na barriga da rival. Percebendo o mau momento, Joanna partiu para a luta agarrada, mas Weili conseguiu se afastar da adversária. No minuto final, as palhas partiram para a trocação franca. O combate seguiu tenso nos segundos finais com chance de nocaute para as duas combatentes. A chinesa atacava com mais eficiência, mas a polonesa seguia se defendendo. A luta acabou com uma grande troca de golpes das atletas.

Resultados do UFC 248

CARD PRINCIPAL (0h, horário de Brasília)

Peso médio (até 83,9kg.): Israel Adesanya derrotou Yoel Romero na decisão unânime dos juízes (48-47, 48-47, 49-46) – Luta pelo cinturão

Peso palha (até 52,1kg.): Weili Zhang derrotou Joanna Jedrzejczyk na decisão dividida dos juízes (48-47, 48-47, 48,47) – Luta pelo cinturão

Peso leve (até 70,3kg.): Beneil Dariush derrotou Drakkar Klose por nocaute a 1m do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Neil Magny derrotou Li Jingliang na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio (até 77kg.): Alex Cowboy derrotou Max Griffin na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

CARD PRELIMINAR (20h30, horário de Brasília)

Peso galo (até 61,2kg.): Sean O’Malley derrotou José Quiñonez por nocaute técnico a 2m02s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Mark Madsen derrotou Austin Hubbard na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso médio (até 83,9kg.): Rodolfo Vieira finalizou Saparbek Safarov com um katagatame a 2m58s do R1

Peso médio (até 83,9kg.): Gerald Meerschaert derrotou Deron Winn com um mata-lesão a 3m13s do R3

Peso palha (até 52,1kg.): Emily Whitmire x Polyana Viana luta cancelada

Peso pena (até 65,7kg.): Giga Chikadze derrotou Jamall Emmers na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo (até 61,2kg.): Danaa Batgerel derrotou Guido Cannetti por nocaute a 3m01s do R1

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments