Anthony Smith aponta Alex Poatan como principal candidato a destronar Israel Adesanya no peso médio

De acordo com Smith, a principal dificuldade para o brasileiro é chegar até a disputa de cinturão

A. Poatan enfrenta B. Blindado em março de 2022. Foto: Reprodução/Instagram

A vitória de Israel Adesanya sobre Robert Whittaker na revanche realizada no último sábado (12), no UFC 271, consolidou o nigeriano como um dos maiores lutadores da história dos pesos médios (até 83,9 kg). Com quatro defesas de cinturão, “Izzy” tem como próximo desafio confirmado no Ultimate o norte-americano Jared Cannonier, terceiro colocado no ranking.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Na opinião de Anthony Smith, ex-desafiante ao cinturão dos meio-pesados (até 93 kg), o principal candidato a destronar Israel Adesanya no peso médio não se encontra nem no ranking da divisão: o brasileiro Alex Poatan.

“Acho que o cara que provavelmente tem a melhor chance está no UFC, mas não está ranqueado. Acho que é Alex Pereira. O cara é bom. O problema com Alex é que ele vai ter um caminho difícil até chegar a Israel. A divisão tem alguns wrestlers de alto nível, alguns caras bons de jiu-jitsu, então acho que a parte mais difícil é chegar até ele. Nem levo muito em consideração o fato de ele já ter nocauteado Israel em outra organização e em outro esporte. Ele é um cara que pode enfrentar Israel em seu jogo exato. Ele joga o mesmo jogo, luta de maneira muito similar, fica muito confortável. Ele mantém a luta lenta, mas explode quando precisa. Ele tem a força e a habilidade dos chutes, o que é realmente importante se tratando de Israel Adesanya. Por isso Jan Blachowicz teve tanto sucesso”, analisou Smith.

PUBLICIDADE:

Alex Poatan e Israel Adesanya se enfrentaram duas vezes nos tempos de kickboxing, com duas vitórias do brasileiro. No UFC, Poatan ainda está no início de sua trajetória, com apenas uma aparição no octógono, na vitória por nocaute sobre Andreas Michailidis no UFC 268.

Alex Poatan retorna à ação no dia 12 de março, quando enfrenta Bruno Blindado em duelo brasileiro que promete ser explosivo.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano