UFC Glendale traz cinco brasileiros no card: Vale a pena investir em algum deles?

Alex Cowboy, Antonio Cara de Sapato, Gilbert Durinho, Dhiego Lima e Wilson Reis representam o Brasil no evento; Saiba quem são os favoritos

Prévia do UFC Glendale. Foto: Divulgação UFC

Neste sábado (14), todos os olhos dos amantes do MMA estarão voltados para a Gila River Arena, no Arizona, onde acontece o UFC Glendale, que terá como principal atração o aguardado duelo entre os pesos-leves Dustin Poirier e Justin Gaethje.

O público brasileiro terá bons motivos para acompanhar o evento com atenção.  Cinco representantes tupiniquins subirão ao octógono, com destaque para o Cowboy Alex Oliveira, que substituirá Matt Brown  no combate contra Carlos Condit  pela categoria meio-médios .

Confira a seguir as cotas do Oddsshark.com e saiba se vale a pena investir nos nossos lutadores.

Dhiego Lima x Yushin Okami

O meio-médio Dhiego Lima terá uma parada dura contra o experiente japonês Yushin Okami, de 36 anos, que após quatro anos lutando por outras franquias tenta retomar a carreira no UFC.

No passado, Okami já disputou os cinturões do UFC e WSOF  na categoria peso-médio, mas seu retorno à franquia de Dana White não foi nada animador. Lutando em casa, o japonês foi facilmente finalizado pelo haitiano Ovince St. Preux, e buscará a recuperação contra o brasileiro.

Para Lima, esta poderá ser a última oportunidade no UFC. Depois de uma passagem mau-sucedida pela franquia entre os anos de 2015 e 2016, em que perdeu três lutas e venceu uma, ele ganhou uma nova oportunidade ao chegar à final do TUF 25 Finale, mas acabou derrotado por Jesse Taylor.

As cotas do Oddsshark.com apontam para uma luta muito equilibrada, com retorno de R$ 1,83/R$ 1,00 para a vitória de Okami e R$ 1,90/R$ 1,00 se o brasileiro levar a melhor.

Gilbert Durinho x Dan Moret

O combate entre Gilbert Durinho e Dan Moret reunirá dois especialistas em luta no chão que podem se orgulhar por nunca terem sido finalizados.

O brasileiro conta com um bom retrospecto dentro do UFC. Gilbert “Tourinho” Burns soma sete lutas pela franquia, com cinco vitórias e duas derrotas, e vem de um grande nocaute sobre o canadense Jason Saggo no UFC Fight Night 116. Dan Moret tem um cartel de 13 vitórias e três derrotas pela LFA, e fará sua estreia na nova organização.

Tourinho é franco favorito. De acordo com o Oddsshark.com, um triunfo do brasileiro pagará R$ 1,20 por real apostado, ao passo que o norte-americano proporcionará um rendimento de 350% caso consiga surpreender.

Wilson Reis x John Moraga

O peso-mosca Wilson Reis vive seu pior momento desde que chegou ao UFC, em 2013. O brasileiro foi derrotado na disputa de cinturão contra Demetrious Johnson, e voltou a decepcionar na luta seguinte, diante do norte-americano Henry Cejudo, no UFC 215. Reis possui um cartel de 22 vitórias e oito derrotas, e atualmente é o sexto colocado no ranking.

O norte-americano John Moraga é um lutador em ascenção, que vem de duas vitórias sobre Ashkan Mokhtarian e Magomed Bibulatov, e está de volta ao top 10 do ranking da categoria. Seu cartel é de 18 vitórias e seis derrotas.

O histórico pesa a favor do brasileiro, que entra como favorito, com um rendimento de 69% para a vitória. Se Moraga for o vencedor, cada real apostado retornará R$ 2,15.

Tim Boetsch x Antonio Carlos Cara de Sapato

No embalo de quatro vitórias consecutivas, o brasileiro Antônio Cara de Sapato, de 27 anos, encara o veterano norte-americano Tim Boetsch, 10 anos mais velho, pela categoria peso-médio.

Apesar de não viver os seus melhores dias, e estar fora do top 15 do ranking, Boetsch continua sendo um lutador muito competitivo, e venceu três de seus quatro últimos compromissos. Seu cartel é de 21 vitórias e 11 derrotas.

Cara de Sapato foi o vencedor da terceira edição o TUF Brasil, e desde então construiu uma bela trajetória na categoria peso-pesado. O brasileiro, que é especialista em jiu-jitsu, tem um cartel de nove vitórias, duas derrotas e um no contest.

Mesmo apresentando um rendimento bem inferior,  de 37%, contra os 210% devolvidos em caso de vitória do norte-americano, a melhor pedida é investir em Cara de Sapato, que dificilmente deixará de vencer este combate.

 Carlos Condit x Alex Cowboy

A chance de disputar a co-luta principal do evento caiu no colo do Cowboy Alex Oliveira, que foi chamado para substituir o contudido Matt Brown. O brasileiro vem de um resultado ruim no UFC 218, em dezembro de 2017, em que foi nocauteado pelo norte-americano Yancy Medeiros naquela que foi premiada como a luta da noite. Antes disso, o meio-médio vinha de uma invencibilidade de cinco lutas. Seu cartel tem 18 vitórias, 5 derrotas, e um no contest.

O experiente Carlos Condit já foi o dono do cinturão da categoria, mas vive uma má fase desde maio de 2015, quando obteve sua última vitória, diante do brasileiro Thiago Alves, no UFC Fight Night Goiania. Desde então, foi derrotado por Robbie Lawler, Demian Maia e Neil Magny. O norte-americano tem um cartel extenso, de 30 vitórias e 11 derrotas.

Os números do Oddsshark.com decretam que o favoritismo é do brasileiro, que se vencer garantirá um rendimento de 50%. O triunfo do lutador local paga R$ 2,60 por real apostado.

UFC Glendale

Card Principal

Peso-leve: (R$ 1,71) Dustin Poirier x Justin Gaethje (R$ 2,10)

Peso-meio-médio: (R$ 2,60) Carlos Condit x Alex Oliveira (R$ 1,50)

Peso-médio: (R$ 1,40) Israel Adesanya x Marvin Vettori (R$ 2,95)

Peso-palha feminino: (R$ 2,00) Michelle Waterson x Cortney Casey (R$ 1,77)

Card Preliminar

Peso-médio: (R$ 3,10) Tim Boetsch x Antonio Carlos Júnior (R$ 1,37)

Peso-meio-médio: (R$ 1,58) Muslim Salikhov x Ricky Rainey (R$ 2,40)

Peso-mosca: (R$ 1,69) Wilson Reis x John Moraga (R$ 2,15)

Peso-médio: (R$ 2,10) Krzysztof Jotko x Brad Tavares (R$ 1,71)

Peso-leve: (R$ 1,20) Gilbert Burns x Dan Moret (R$ 4,50)

Peso-mosca feminino: (R$ 1,83) Shana Dobson x Lauren Mueller (R$ 1,90)

Peso-meio-médio: (R$ 1,90) Dhiego Lima x Yushin Okami (R$ 1,83)

Peso-pesado: (R$ 1,27) Arjan Bhullar x Adam Wieczorek (R$ 3,70)

Peso-galo: (R$ 1,74) Matthew Lopez x Alejandro Pérez (R$ 2,05)

Peso-galo: (R$ 1,25) Luke Sanders x Patrick Williams (R$ 4,00)

Notícias relacionadas