Pedro Munhoz aposta em vitória de Marlon sobre Cejudo e mira duelo contra compatriota:’ Seria uma grande promoção’

Brasileiro vê Moraes conquistando o cinturão e confirma desejo de enfrentar o atleta em caso de vitória neste sábado, no UFC 238

P. Munhoz recebe punição em dinheiro da Comissão Atlética de Nevada. Foto: Reprodução/Instagram @pedromunhozmma

O peso galo (até 61,2kg.) Pedro Munhoz confirmou o palpite de que Marlon Moraes vence o embate contra Henry Cejudo, neste sábado (8), pelo UFC 238, em Chicago (EUA). Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o atleta confirmou que, caso vença Aljamain Sterling, gostaria de encarar o compatriota em uma futura disputa de cinturão.

Veja Também

John Lineker substitui o lesionado Cody Stamann e encara Rob Font no UFC Greenville
Em busca de reabilitação, Viviane Sucuri encara americana nesta sexta-feira no Invicta FC
Treinador de Ferguson alerta Donald Cerrone para duelo deste sábado: ‘Tony vem para uma guerra!’

“Eu gosto do Marlon como pessoa. Nós temos um treinador em comum, o Anderson França (Muay thai). Estou torcendo para ele”, afirmou Munhoz, que mostrou confiança na vitória de Moraes. “Eu acredito em uma vitória dele. Ele é um lutador mais forte e experiente do que o (Henry) Cejudo”, palpitou o paulista.

Pedro confirmou, também, que, caso o cinturão venha para o Brasil, seria muito interessante para ele, pois traria os olhares do MMA para o país no caso de um possível encontro ele os dois.

“Uma vitória do Marlon e uma minha no sábado seria uma grande promoção para fazer uma luta nossa no Brasil. Seria a primeira da história. Dois brasileiros disputando um cinturão no Brasil. Acho que seria genial”, disse Munhoz.

Para conseguir a chance de disputa de cinturão, seja contra Marlon ou Cejudo, Munhoz terá de bater o norte-americano Aljamain Sterling, que vem de três vitórias seguidas. O atleta, no entanto, mostrou confiança no trabalho realizado e acredita em um bom trabalho no fim de semana.

“Para cada atleta, traçamos uma estratégia diferente. No caso do Sterling, não foi diferente. Nós analisamos o jogo dele e esperamos colocar em prática nossa tática para sair com um bom resultado”, comentou Pedro.

O peso galo, no entanto, revelou que não possui um desejo específico da forma como quer terminar a luta. Segundo Munhoz, ele está preparado para todas as áreas do duelo.

“É um pouco difícil falar. Eu tenho o chão muito afiado, mas melhorei muito meu jogo em pé, ainda mais com minha última luta por nocaute sobre Coby Garbrandt. Estou preparado para toda a área da luta”, finalizou o lutador.

Pedro vem em ótima fase na carreira, com três triunfos consecutivos. Em seu último combate, derrotou o ex-campeão da categoria, Coby Garbrandt, em um nocaute fulminante no primeiro round, fazendo com que o norte-americano amargasse sua terceira derrota seguida.

Aos 32 anos, o lutador já realizou 22 lutas profissionais de MMA. Ele soma 18 vitórias, três derrotas e uma luta sem resultado.

Seu adversário, 28, também invicto há três lutas, disputou 17 duelos e triunfou em 14, possuindo, também, três reveses.

Ficha técnica do UFC 238

CARD PRINCIPAL (22h, horário de Brasília):

Peso galo: Henry Cejudo x Marlon Moraes

Peso mosca: Valentina Shevchenko x Jessica Eye

Peso leve: Tony FergusonDonald Cerrone

Peso galo: Jimmie Rivera x Petr Yan

Peso pesado: Tai Tuivasa x Blagoy Ivanov

CARD PRELIMINAR (18h15, horário de Brasília):

Peso palha: Tatiana Suarez x Nina Ansaroff

Peso galo: Aljamain Sterling x Pedro Munhoz

Peso palha: Karolina Kowalkiewicz x Alexa Grasso

Peso pena: Ricardo Lamas x Calvin Kattar

Peso palha: Yan Xiaonan x Angela Hill

Peso médio: Bevon Lewis x Darren Stewart

Peso galo: Eddie Wineland x Grigory Popov

Peso mosca: Katlyn Chookagian x Joanne Calderwood

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments