Rivais confessos, Covington e Woodley acertam as contas neste sábado, pelo UFC Las Vegas 11

Atletas protagonizam luta aguardada pela divisão dos meio-médios, que pode definir o próximo desafiante ao cinturão dos meio-médios; Johnny Walker, Mackenzie Dern e Mayra Sheetara também são atrações

C. Covington (esq.) e T. Woodley (dir.) fazem encarada antes do UFC Las Vegas 11. Foto: Reprodução/Instagram

O final de semana chegou e promete muita emoção para os fãs de MMA. Neste sábado (19), o Ultimate apresenta um card recheado de grandes lutas no UFC Las Vegas 11, nos Estados Unidos. Ao todo, serão 14 apresentações, com Colby Covington e Tyron Woodley como protagonistas do evento e três representantes brasileiros.

Veja Também

Johnny Walker é levemente favorito para luta contra Ryan Spann no UFC Las Vegas 11
Colby Covington é favorito contra Tyron Woodley no UFC Vegas 11
Mesmo mais calmo, Johnny Walker espera luta movimentada neste sábado: ‘Soco para todo lado’
Mackenzie Dern quer chocar o mundo com finalização inédita no Ultimate: ‘Nunca aconteceu’

Na luta principal, Covington e Woodley fazem um duelo aguardado para a divisão dos meio-médios (até 77kg.). Além de buscarem uma chance de disputar o título, os norte-americanos levam para o octógono uma rixa pessoal, que promete agitar os espectadores.

A penúltima luta marcará a volta de Donald Cerrone ao palco do Ultimate. O ‘Cowboy’ vai enfrentar Niko Price e tenta se recuperar do massacre sofrido para Conor McGregor no início do ano.

Johnny Walker também é uma das estrelas do espetáculo. O brasileiro enfrentará Ryan Spann e quer apagar dois resultados negativos em sequência para voltar a sonhar alto na divisão dos meio-pesados (até 93kg.).

Woodley x Covington

Inimigos pessoais, Woodley e Covington terão a oportunidade de resolverem as desavenças dentro das regras do MMA. Ex-campeão linear da categoria, Tyron, que é ex-companheiro de treinos do ‘Caos’, tenta recuperar a condição de desafiante e terá de anular o jogo do rival para sair vencedor.

Colby, que já ostentou o título interino da categoria, quer apagar derrota sofrida para Kamaru Usman, em dezembro do ano passado, quando perdeu a oportunidade de assumir o trono da categoria.

Os combatentes trabalharam juntos na American Top Team (ATT) há alguns anos e, agora, se enfrentam de olho na oportunidade de enfrentar o vencedor de Usman e Gilbert Durinho. O campeão e o brasileiro negociam um confronto para dezembro.

Cerrone x Price: luta para não piscar

Mesmo longe da melhor fase de sua carreira, Donald Cerrone segue como um dos grandes nomes do UFC. Próximo de atingir a marca de 53 lutas como profissional no MMA, o ‘Cowboy’ quer provar que, mesmo aos 37 anos, é capaz de dar promover grandes espetáculos.

Neste sábado, Cerrone trocará forças contra o perigoso Niko Price. O atleta é famoso pela agressividade com que conduz seus compromissos e, por isso, o confronto tem tudo para não ser levado para a decisão dos juízes.

Donald vem de quatro derrotas consecutivas e Price perdeu em seu último duelo, quando foi batido por Vicente Luque.

Johnny Walker: expectativa de show

Mesmo vindo de dois resultados negativos, Johnny Walker ainda é sinônimo de show. Neste final de semana, o atleta tem um compromisso duro pela frente. O brasileiro enfrentará o perigoso Ryan Spann, que está invicto no Ultimate.

Na luta, Walker precisará mostrar que aprendeu com as derrotas e tem condições de enfrentar os melhores nomes da divisão.

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o atleta falou sobre a evolução em sua técnica e prometeu uma luta agressiva contra o norte-americano.

Mais Brasil

No card preliminar, a promissora Mackenzie Dern também é um nome a ser observado no espetáculo. Após o show promovido pela brasilo-americana em maio, quando finalizou Hannah Cifers em menos de três minutos, a peso palha (até 52,1kg.) quer mais uma vitória, agora, contra Randa Markos, para seguir sua trajetória rumo ao topo da categoria.

Em entrevista ao SUPER LUTAS, Mackenzie, inclusive falou sobre o resultado dos seus sonhos, com uma finalização nunca realizada na história do Ultimate.

Representante brasileira da divisão das moscas (até 56,7kg.), a mineira Mayra Sheetara é outro destaque tupiniquim. Revelada pelo ‘Dana White’s Contender Series’, a combatente tenta se recuperar da derrota sofrida para Maryna Moroz, em março, e, para isso, deverá tentar afundar ainda mais Mara Romero Borella, que vem de três reveses.

Esta será a terceira luta de Sheetara com as luvas do Ultimate. Um resultado positivo poderá sacramentar a demissão da rival, que perdeu quatro das últimas cinco lutas.

Ficha técnica do UFC Las Vegas 11

Data: 19 de setembro de 2020

Horário: A partir das 18h (horário de Brasília)

Local: UFC Apex, Las Vegas, Nevada, EUA

Como assistirSUPER LUTAS AO VIVO em tempo real e Canal Combate (todo o card) pela TV

CARD PRINCIPAL (21h, horário de Brasília)

Peso meio-médio: Colby Covington x Tyron Woodley

Peso meio-médio: Donald Cerrone x Niko Price

Peso médio: Khamzat Chimaev x Gerald Meerschaert

Peso meio-pesado: Johnny Walker x Ryan Spann

Peso palha: Mackenzie Dern x Randa Markos

Peso médio: Kevin Holland x Darren Stewart

CARD PRELIMINAR (18h, horário de Brasília)

Peso mosca: Jordan Espinosa x David Dvorak

Peso pena: Mirsad Bektic x Damon Jackson

Peso mosca: Mayra Sheetara x Mara Romero Borella

Peso galo: Jessica-Rose Clark x Sarah Alpar

Peso pena: Darrick Minner x TJ Laramie

Peso galo: Journey Newson x Randy Costa

Peso galo: Andre Ewell x Irwin Rivera

Peso galo: Tyson Nam x Jerome Rivera

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments