Sean O’Malley confirma favoritismo e atropela Raulian Paiva no primeiro round do UFC 269

Norte-americano aplica cruzado brutal para nocautear o brasileiro no fim do primeiro assalto; ele deve voltar ao ranking dos galos

S. O’Malley nocauteia no primeiro round do UFC 269. Foto: Reprodução/Twitter UFC Europe

Ele confirmou o ‘hype’! Na abertura do card principal do UFC 269, realizado neste sábado (12), Sean O’Malley validou o amplo favoritismo que tinha em seu combate contra Raulian Paiva e conquistou um nocaute arrasador no primeiro round do duelo válido pela divisão dos galos (até 61,2kg.).

PUBLICIDADE:

Veja Também

Favorito dos fãs, O’Malley consegue sua segunda vitória seguida e deve voltar ao ranking da divisão. Em sua carreira, agora, o norte-americano conta com um cartel de 15 triunfos e um reves.

Depois de entrar vaiado, Raulian teve sua sequência de três triunfos em série quebrada. Agora, em sua trajetória nas artes marciais mistas, ele tem um retrospecto de 21 resultados positivos e quatro negativos.

PUBLICIDADE:

A LUTA

O’Malley começou o combate marcando a distância e apostando nos chutes na linha da cintura. O norte-americano trocava de base com frequência e dificultava a movimentação de Raulian Paiva. Arisco, o brasileiro não se intimidou com as vaias e foi para cima, enquanto seu adversário fazia seu jogo de contragolpe.

Sean, inclusive, conseguiu desferir bons jabs e marcou a distância com um direto arrasador. O amapaense ainda tentou resistir, mas não conseguiu aguentar o ritmo e foi nocauteado.

PUBLICIDADE:

Relação de lutas do UFC 269

CARD PRINCIPAL

PUBLICIDADE:

Peso leve: Charles do Bronx Dustin Poirier – Luta pelo cinturão

Peso galo: Amanda Nunes x Julianna Peña – Luta pelo cinturão

Peso meio-médio: Geoff Neal x Santiago Ponzinibbio

Peso mosca: Kai Kara-France x Cody Garbrandt

Peso galo: Sean O’Malley derrotou Raulian Paiva por nocaute técnico (socos) aos 4m42s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pena: Josh Emmett derrotou Dan Ige na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso galo: Dominick Cruz derrotou Pedro Munhoz na decisão unânime dos juízes (29-28,29-28, 29-28)

Peso pesado: Tai Tuivasa derrotou Augusto Sakai por nocaute a 26s do R2

Peso médio: Bruno Blindado derrotou Jordan Wright por nocaute técnico a 1m28s do R1

Peso médio: André Sergipano finalizou Eryk Anders com uma chave de braço a 3m13 do R1

Peso mosca: Erin Blanchfield derrotou Miranda Maverick na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena: Ryan Hall derrotou Darrick Minner na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-27, 30-27)

Peso galo: Tony Kelley derrotou Randy Costa por nocaute técnico a 4m15s do R2

Peso mosca: Gillian Robertson finalizou Priscila Pedrita com um mata-leão a 4m59s do R1

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico