Com duas disputas de cinturão, UFC 199 coloca frente a frente antigos rivais

As duas lutas principais da noite em Los Angeles contam com duas revanches entre atletas que são desafetos de longa data

Rockhold (esq.) e Bisping (dir.) fazem revanche no UFC 199. Foto: Divulgação/UFC

Rockhold (esq.) e Bisping (dir.) fazem revanche no UFC 199. Foto: Divulgação/UFC

O UFC retorna com mais um evento em pay-per-view, neste sábado (4), com a realização do UFC 199, na região de Los Angeles, nos Estados Unidos. E, nos dois combates mais importantes da atração, duas revanches colocam cinturões em jogo na categoria dos médios e dos galos.

Na luta principal da noite, Luke Rockhold fará sua primeira defesa de cinturão em até 84 kg diante de Michael Bisping. Os dois atletas estarão em busca da consagração, mesmo que seja de maneiras quase opostas.

Veja Também

Rockhold provoca Bisping: ‘É o seu destino ser a minha p******’
Rockhold avisa Bisping: ‘Anderson não é do meu nível’
Bisping substitui Weidman e desafia Rockhold pelo cinturão no UFC 199
Rockhold admite que lutará lesionado contra Bisping no UFC 199

Rockhold conquistou o cinturão em dezembro do ano passado, quando bateu Chris Weidman no UFC 194. A revanche aconteceria no UFC 199, mas o ex-campeão se lesionou e foi cortado em cima da hora. Diante de um adversário que já venceu no passado, Rockhold quer passar pelo teste da primeira defesa de título, algo que já incomodou outros campeões no passado.

Já Bisping busca chegar ao topo depois de mais de dez anos de carreira no Ultimate. O inglês esteve próximo de disputar o título por outras vezes no passado, mas sempre “morria na praia” e perdia lutas importantes. Agora, com a lesão de Weidman, Bisping terá sua tão aguardada chance, embora sua missão não seja nada fácil.

O “Conde” vem da vitória mais importante de sua carreira, quando bateu Anderson Silva em fevereiro. Contudo, ele enfrentará justamente seu último algoz, que o finalizou em novembro de 2014. Caso conquiste uma vitória que na teoria pareça improvável, Bisping consagrará de vez uma longa e atribulada carreira no esporte.

Cruz e Faber colocam ponto final à longa rivalidade

Faber (esq.) e Cruz (dir.) se enfrentarão pela terceira vez. Foto: Divulgação/UFC

Faber (esq.) e Cruz (dir.) se enfrentarão pela terceira vez. Foto: Divulgação/UFC

Na segunda luta mais importante da noite, outra revanche entre velhos conhecidos. Dominick Cruz defenderá o título dos galos contra Urijah Faber, fechando uma trilogia que teve seu primeiro capítulo no distante ano de 2007.

Até agora, está uma vitória para cada lado: na primeira, deu Faber por finalização, e, na segunda, deu Cruz na decisão dos juízes. O terceiro duelo, porém, acontece quando ambos os atletas enfrentam momentos distintos.

Cruz se recuperou de um longo tempo de inatividade com a conqusita do título diante de TJ Dillashaw, em janeiro. De volta após menos de cinco meses, o campeão enfim volta a ter ritmo de luta, e a expectativa é de que ele se apresente de forma ainda mais afiada no octógono.

Faber, por sua vez, não vem na fase mais espetacular de sua carreira. Na categoria dos galos, o “Califórnia Kid” vem de vitória sobre os inexpressivos Alex Caceres, Francisco Rivera e Frankie Saenz. Porém, tratam-se de antigos rivais que farão de tudo para desempatar o placar ao seu favor.

Os outros destaques

Veterano Henderson enfrenta Lombard no UFC 199 . Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Veterano Henderson enfrenta Lombard no UFC 199 . Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

O UFC 199 também poderá marcar a despedida do veterno Dan Henderson das lutas. Atleta mais velho da organização em atividade, com 45 anos, o norte-americano fará diante de Hector Lombard a última luta de seu atual contrato com o UFC.

Henderson já admitiu que segue indeciso a respeito de seu futuro. Com um retrospecto recente amplamente negativo, com seis derrotas em suas última oito lutas, um novo revés poderá colocar um ponto final em sua longa e vitoriosa carreira.

A noite também colocará frente a frente dois lutadores de destaque na categoria dos penas. Max Holloway, que busca a chance de disputar o cinturão, terá um importante teste contra Ricardo Lamas, antigo desafiante pelo título.

O UFC 199 terá a participação de dois brasileiros, com ambos lutando no card preliminar. Jéssica “Bate-Estaca” Andrade faz sua estreia no peso palha diante da ex-desafiante pelo cinturão Jessica Penne. Já Luiz Henrique da Silva pega Jonathan Wilson.

Confira abaixo a ficha técnica do UFC 199:

DATA E HORÁRIO: 03/06/2016, a partir das 19h15 (horário de Brasília)

LOCAL: The Forum, Inglewood, Califórnia (EUA)

TRANSMISSÃO: Canal Combate

CARD PRINCIPAL

Médios: Luke Rockhold x Michael Bisping
Galos: Dominick Cruz x Urijah Faber
Penas: Max Holloway x Ricardo Lamas
Médios: Dan Henderson x Hector Lombard
Leves: Dustin Poirier x Bobby Green

CARD PRELIMINAR

Penas: Brian Ortega x Clay Guida
Leves: Beneil Dariush x James Vick
Palhas: Jessica Penne x Jéssica Andrade
Penas: Cole Miller x Alex Caceres
Meio-médios: Sean Strickland x Tom Breese
Meio-pesados: Jonathan Wilson x Luiz Henrique da Silva
Médios: Kevin Casey x Elvis Mutapcic
Leves: Polo Reyes x Dong Hyun Kim

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments