Em luta agitada, Leon Edwards vence Donald Cerrone no UFC Singapura

No duelo de juventude x experiência, novato jamaicano mostrou inteligência para vencer o Cowboy e crescer na divisão de meio-médios

Edwards derrotou Cerrone no UFC Singapura. Foto: Reprodução / Facebook ufc

A expectativa era grande e o combate entre Donald Cerrone contra Leon Edwards não decepcionou. Os meio-médios travaram uma verdadeira batalha, intensa, durante os 25 minutos de disputa. Ao final, vitória de Edwards na decisão unânime dos juízes (48-47, 48-47, 48-47). O combate foi atração principal do UFC Singapura, evento realizado na manhã (horário de Brasília) deste sábado (23), no Sudeste Asiático.

O Brasil esteve representado por dois atletas no card preliminar do show, que deixaram a área de lutas derrotados. Viviane Sucuri perdeu Yan Xiaonan na decisão unânime dos juízes, enquanto Felipe Sertanejo caiu diante de Yadong Song por nocaute técnico no segundo assalto.

Edwards bate Cerrone em boa luta

Veja Também

UFC Singapura: Viviane Sucuri e Felipe Sertanejo perdem e se complicam

O segrego para encarar a valentia de Donald Cerrone já é conhecido: colocar volume de golpes e encaixar entradas na linha de cintura. E foi exatamente isso que Leon Edwards fez no primeiro round. Ele trabalhou chutes na linha de cintura e duros socos no rosto. Emmenos de dois minutos, o olho do ‘Cowboy’ estava inchado. Na metade da parcial, o jamaicano ainda acertou uma cotovelada em cheio, que balançou Donald.

No segundo assalto Edwards voltou a trabalhar com chutes na linha de cintura e colocou pressão no clinch, quando chegou a abrir um corte no rosto de Cerrone depois de conectar uma joelhada. O Cowboy tentou mudar o nível da luta e buscou a queda, mas sem sucesso.

Edwards continuou pressionando Cerrone no início do terceiro assalto e acertou os melhores golpes. Apesar disso, o norte-americano não recuava e mostrou sua já conhecida valentia, caminhando para frente. O Cowboy voltou a tentar derrubar, mas Edwards mostrou que a defesa está em dia.

No quarto assalto, Cerrone voltou mais agressivo e tomou a iniciativa da disputa. O jamaicano tentou trabalhar com golpes na linha de cintura, mas Donald era mais ofensivo. O norte-americano ainda derrubou Edwards no final do round, mas o jamaicano rapidamente se levantou.

No quinto assalto, Cerrone manteve o bom momento da parcial anterior. Ele caminhou para frente, disparou bons golpes e até conseguiu uma queda, mas, novamente, Edwards se levantou.Por sua vez, Leon abusou de circular no octógono para evitar de ser golpeado. Nos segundos finais, o Cowboy provocou o rival e o desafiou para a luta franca, mas não teve tempo para o nocaute.

St. Preux finaliza Tyson Pedro

Na segunda luta mais esperada do UFC Singapura, o haitiano Ovince St. Preux sofreu, quase foi nocauteado, mas deixou o octógono com o braço erguido na luta contra Tyson Pedro. O lutador australiano começou a luta melhor e esteve perto de nocautear St. Preux. Ele fintou um chute alto, conectou um golpe reto em cheio no rosto do haitiano, que balançou. Porém, Tyson tentou a queda e acabou caindo por baixo. Ovince aproveitou o momento, chegou a meia-guarda, sua posição favorita, e rapidamente atacou a Kimura para finalizar a peleja em 2m54s.

O resultado marcou a recuperação de OSP, que vinha de revés diante de Ilir Latifi, em fevereiro. Por outro lado, para a ascenção de Tyson Pedro, que em sua última apresentação via derrotado Saparbek Safarov, no UFC 221.

Resultados do UFC Singapura

CARD PRINCIPAL

Leon Edwards derrotou Donald Cerrone na decisão unânime dos juízes (48-47, 48-47, 48-47)

Ovince St. Preux finalizou Tyson Pedro com uma Kimura a 2m54s do R1

Jessica Eye derrotou Jessica-Rose Clark na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Li Jingliang derrotou Daichi Abe na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR

Petr Yan derrotou Teruto Ishihara por nocaute técnico a 3m28s do R1

Yadong Song derrotou Felipe Sertanejo por nocaute técnico a 4m59s do R2

Shane Young derrotou Rolando Dy por nocaute técnico a 4m40s do R2

Kenan Song derrotou Hector Aldana por nocaute técnico a 4m45s do R2

Jake Matthews finalizou Shinsho Anzai com um mata-leão a 3m44s do R1

Yan Xiaonan derrotou Viviane Sucuri na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Matt Schnell derrotou Naoki Inoue na decisão dividida dos juízes  (29-28, 28-29, 29-28)

Ulka Sasaki finalizou Jenel Lausa com um mata-leão a 4m04s do R2

Ji Yeon Kim derrotou Melinda Fabian na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário