Vicente Luque derrota Mike Perry em luta empolgante no UFC Montevidéu

Brasileiro derrota norte-americano em uma das melhores apresentações da noite e sonha com top 15

V. Luque vence no UFC Montevidéu. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

O brasileiro Vicente Luque e o norte-americano Mike Perry foram protagonistas de um dos melhores combates do UFC Montevidéu, realizado neste sábado (10), no Uruguai. Em um combate aberto e tenso, os lutadores não fugiram do contato e trocaram golpes por praticamente todo o compromisso. Ao fim de três rounds, Vicente Luque foi declarado vencedor na decisão dividida dos juízes.

Veja Também

VÍDEO: Assista os melhores momentos de Vicente Luque x Mike Perry no UFC Montevidéu
Vídeo: Lutador fica com nariz deformado após joelhada de brasileiro no UFC Montevidéu
Cirúrgico, Rodolfo Vieira faz valer fama e estreia com finalização no UFC Montevidéu
Vídeo: Assista à finalização de Rodolfo Vieira contra Oskar Piechota no UFC Montevidéu
Em estreia no meio-médio, Durinho vence e tira invencibilidade de temido Alexey Kunchenko

O combate entre os lutadores era um dos mais aguardados devido à conhecida agressividade de ambos e, quando o árbitro autorizou o início do confronto, os dois supriram a expectativa dos fãs de MMA.

Após o fim da peleja, uma imagem forte roubou a cena. Após receber uma joelhada de encontro, o nariz do norte-americano quebrou feio, proporcionando uma cena assustadora.

Com o triunfo, o brasiliense chegou à sua quinta vitória consecutiva e aguarda, agora, adentrar de vez ao top 15 da divisão dos meio-médios (até 77kg.), atualmente reinada por Kamaru Usman. Perry, que vinha de uma ótima vitória sobre Alex Cowboy, ocorrida

A luta

O primeiro round teve início com Perry conectando os melhores golpes. A luta foi desenrolando de forma tensa, com ambos lançando socos e chutes no corpo e apostando na luta em pé. Passados três minutos de combate, Vicente conseguiu conectar uma boa joelhada voadora que atingiu o norte-americano, mas o atleta surpreendeu ao não cair. A peleja continuou com os dois atletas testando a resistência um do outro com investidas potentes, mas as defesas dos combatentes estavam em dia.

Luque, na segunda etapa, começou partindo para cima do oponente, que começou a segurar mais seus golpes. O brasileiro se mostrava bem nas combinações de soco e aproveitava o fato de Mike aparentar estar mais cansado. Mesmo sem a mesma mobilidade, Perry ainda era perigoso em seus golpes. Por vezes, o lutador surpreendia Vicente com socos no rosto e na região da cintura. No minuto final, o rosto de Mike apresentado um grande sangramento e o brasileiro começou a minar o local para aumentar o corte na face do norte-americano.

O combate permaneceu equilibrado no último assalto. Os lutadores continuavam soltando muitos golpes. Passados dois minutos, Perry apresentava uma vermelhidão na coxa esquerda e aparentava sentir os chutes de Luque no local. Ao perceber a desvantagem, Perry começou a apostar na luta agarrada, se aproximando de Vicente e pressionando o atleta nas grades. A torcida, no entanto, não aprovou a atitude e começou a vaiar os lutadores. O árbitro do embate, percebendo a inatividade, separou os atletas. Próximo ao minuto final, Mike tentou uma queda no brasiliense, mas acabou ficando em uma posição desfavorável, caindo em uma guilhotina quase encaixada de Vicente. O norte-americano mostrou muita raça e se desvencilhou da posição. A luta, então, terminou.

Resultados do UFC Montevidéu

CARD PRINCIPAL

Peso mosca (até 56,7kg): Valentina Shevchenko derrotou Liz Carmouche na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-45, 50-45)

Peso meio-médio (até 77kg): Vicente Luque derrotou Mike Perry na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg): Luiz Eduardo Garagorri derrotou Humberto Bandenay na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-pesado (até 93kg): Volkan Oezdemir derrotou Ilir Latifi por nocaute a 4m31 do R2

Peso médio (até 83,9kg): Rodolfo Vieira derrotou Oskar Piechota por finalização a 4m26s do R2

Peso pena (até 65,7kg): Enrique Barzola derrotou Bobby Mofett na decisão dividia dos juízes (29-28, 28-29, 30-27)

CARD PRELIMINAR

Peso meio-médio (até 77,3kg): Gilbert Durinho derrotou Alexey Kunchenko na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado (até 120,2kg): Ciryl Gané derrotou Raphael Bebezão por finalização a 4m12s do R1

Peso palha (até 52,1kg): Marina Rodriguez derrotou Tecia Torres na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-27)

Peso mosca (até 56,1kg): Rogério Bontorin derrotou Raulian Paiva por nocaute técnico a 2m26s do R1

Peso galo (até 61,2kg): Chris Gutierrez derrotou Geraldo de Freitas na decisão dividida dos juízes (29-28, 27-30, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg): Alex Leko derrotou Rodrigo Kazula na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca (até 56,7kg): Veronica Macedo derrotou Polyana Viana por finalização a 1m09 do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário