Em luta de despedida no MMA, Bethe Correia é superada por Karol Rosa nos pontos

No card preliminar do UFC Vegas 38, paraibana sofre com jogo de muay-thai da capixaba e é superada na decisão unânime dos juízes

B. Correia perde para K. Rosa na despedida do MMA. Foto: Reprodução/Instagram UFC

O card preliminar do UFC Las Vegas 38, evento realizado neste sábado (2), marcou a despedida de Bethe Correia nas artes marciais mistas. Aos 38 anos, a ex-desafiante ao cinturão dos galos (até 61,2kg.) não resistiu ao jogo de muay-thai da compatriota Karol Rosa e saiu derrotada na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26).

PUBLICIDADE:

Veja Também

Representante do UFC desde 2013, Correia se despede do MMA com um cartel de 11 triunfos, seis reveses e um empate na carreira, onde viveu o melhor momento na organização em 2015. Na ocasião, ela foi escalada para disputar o título dos galos diante de Ronda Rousey, mas acabou nocauteada em 34 segundos.

Promessa da academia Paraná Vale Tudo (PRVT), Rosa emplaca seu sexto triunfo seguido na organização. Com isso, ela conquista a vitória mais importante de sua trajetória e atualiza seu retrospecto para 15 resultados positivos e três negativos.

PUBLICIDADE:

A luta

A primeira iniciativa do combate foi tomada por Karol Rosa, que investiu nos chutes baixos. Ela, inclusive, lançou duas combinações que atingiram Bethe Correia. A capixaba seguiu encurralando a paraibana junto à grade e, mais rápida, também conectava boas joelhadas que fizeram sua adversária sentir. Com 30 segundos para o fim do round, Karol tentou a queda, mas Bethe rechaçou as tentativas.

No segundo round, as duas atletas partiram para a trocação franca. Karol entrava com inteligência e, polida fisicamente, entrava em joelhadas e socos na curta distância. Por outro lado, Bethe aparecia com contragolpes e parecia sentir aos golpes da capixaba. Com forte jogo de muay-thai, Rosa entrou de forma limpa com joelhadas e cotoveladas na linha da cintura nos segundos finais para garantir a vitória no round.

PUBLICIDADE:

Por fim, o terceiro assalto se desenvolveu de forma equilibrada, com Karol Rosa atingindo Bethe Correia com intensidade ainda maior. A paraibana, em desvantagem, sequer conseguia dar uma resposta em pé e poucas vezes atingiu sua adversária. Ela ainda acabou por baixo, depois de uma tentativa sem sucesso de queda.

PUBLICIDADE:

“Foi maravilhoso. Só tenho a agradecer ao UFC por todas as oportunidades que eles me deram”, disse Correia, em entrevista pós-luta no octógono.

Em duelo equilibrado, Jared Gordon derrota Joe Solecki na última luta do card preliminar

Em duelo equilibrado, J. Gordon derrota J. Solecki no card preliminar. Foto: Reprodução/Instagram UFC

No enceramento do card preliminar, os pesos penas (até 65,7kg.) Joe Solecki e Jared Gordon fizeram um combate de três rounds. E, apesar do equilíbrio, Gordon impôs uma intensidade maior e conseguiu a vitória na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28).

Com o resultado positivo, Jared ampliou sua sequência para três vitórias em série. Agora, em sua trajetória, são 18 triunfos e quatro reveses na carreira.

Solecki, por sua vez, tem sua sequência de seis vitórias quebrada. Descoberto no ‘Contender Series’, ele conta com um cartel de 11 triunfos e três reveses.

Casey O’Neill dá show, nocauteia Antonina Shevchenko e segue invicta na carreira

C. O’Neill superou A. Shevchenko por nocaute técnico. Foto:Reprodução/Instagram UFC

Representantes dos moscas (até 56,7kg.), Casey O’Neill e Antonina Shevchenko fizeram a última luta feminina da noite. Invicta em oito lutas na carreira, a escocesa dominou a irmã da Valentina no ground and pound e venceu no segundo round. O duelo foi o sexto do card preliminar.

Promessa da divisão, O’ Neill chegou em seu terceiro triunfo em série no Ultimate. Já Shevchenko encontra sua quarta derrota na organização, sendo também a quarta de sua carreira. Ela também tem nove vitórias.

Resultados do UFC Las Vegas 38

CARD PRINCIPAL

Peso meio-pesado (até 93kg.): Thiago Marreta derrotou Johnny Walker na decisão unânime dos juízes (48-47, 48-47, 48-47)

Peso médio (até 83,9kg.): Kevin Holland x Kyle Daukaus terminou Sem Resultado (No Contest) no R2 por uma cabeçada não intencional de Daukaus em Holland

Peso meio-médio (até 77kg.): Niko Price derrotou Alex Cowboy na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso médio (até 83,9kg.): Krzysztof Jotko derrotou Misha Cirkunov na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Alexander Hernandez derrotou Mike Breeden por nocaute a 1m20s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pena (até 65,7kg.): Jared Gordon derrotou Joe Solecki na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso mosca (até 56,7kg.):  Casey O’Neill derrotou Antonina Shevchenko por nocaute técnico a 4m47s do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Karol Rosa derrotou Bethe Pitbull na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Jamie Mullarkey derrotou Devonte Smith por nocaute técnico a 2m51s do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Douglas D’Silva derrotou Gaetano Pirrello por nocaute a 2m04s do R1

Peso galo (até 61,2kg.): Stephanie Egger derrotou Shanna Young por nocaute técnico a 2m22s do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Alejandro Perez finalizou Johnny Eduardo com uma chave de braço a 4m13s do R2

Podcast #39: Prévia de Aldo, Charles e Amanda + 14 anos de SUPER LUTAS