Em retorno após problemas com COVID-19, Chimaev dá show e ‘apaga’ adversário no UFC 267

Promessa do MMA, sueco comprova superioridade e finaliza chinês no primeiro round do card principal deste sábado (30)

K. Chimaev apaga L. Jingliang no UFC 267. Foto: Reprodução/Instagram

Khamzat Chimaev está de volta. Em sua primeira apresentação no octógono do Ultimate após lidar com complicações da COVID-19, o sueco deu um verdadeiro show e ‘apagou’ Li Jingliang por meio de um mata-leão ainda no primeiro round, em duelo válido pelo UFC 267 deste sábado (30). No combate, inclusive, o sueco sequer foi atingido.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Apontado, por muitos, como a maior promessa do Ultimate na atualidade, Chimaev segue invicto em sua carreira. Profissional desde 2018, ele emplacou sua décima vitória em série.

Jingliang, por sua vez, volta a sentir o ‘sabor amargo’ do revés na companhia. O veterano tem um cartel de 18 triunfos e sete derrotas na carreira como profissional.

PUBLICIDADE:

A luta

Conhecido por acabar com suas lutas rapidamente, Khamzat Chimaev mostrou o mesmo ímpeto ofensivo para derrubar Li Jingliang nos segundos iniciais.

Em posição de dominância, o russo naturalizado na Suécia aplicou bons ganchos de esquerda junto à grade, passou às costas, espalhou o frango de Li Jingliang e aplicou um mata-leão até apagar o chinês no octógono.

PUBLICIDADE:

Na abertura do card principal, Magomed Ankalaev confirma favoritismo e bate Volkan Oezdemir

M. Ankalaev V. Oezdemir por pontos no UFC 269. Foto: Reprodução/Instagram

PUBLICIDADE:

Em combate válido pela divisão dos meio-pesados (até 93kg.), Magomed Ankalaev confirmou o favoritismo e, na trocação franca, conseguiu desferir os melhores golpes para bater Volkan Oezdemir na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28). O duelo abriu o card principal do UFC 267.

Apontado, por muitos, como um dos possíveis postulantes ao título dos meio-pesados (até 93kg.) no futuro, Ankalaev emplacou sua sétima vitória seguida. O russo, agora, está com uma série de 15 triunfos e apenas um revés como profissional de MMA.

Já Oezdemir, que disputou o cinturão da categoria em 2018, sofre seu segundo revés em série. Em seu cartel, o suíço tem 17 resultados positivos e seis negativos na carreira.

Resultados do UFC 267

CARD PRINCIPAL (15h, horário de Brasília)

Peso meio-pesado: Jan Blachowicz x Glover Teixeira – Luta pelo cinturão

Peso galo: Petr Yan x Cory Sandhagen Luta pelo cinturão interino

Peso leve: Islam Makhachev derrotou Dan Hooker por finalização (chave de braço) aos 3m25s do R1

Peso pesado: Alexander Volkov derrotou Marcin Tybura na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso meio-médio: Khamzat Chimaev derrotou Jingliang Li por finalização (mata-leão) aos 3m16s do R1

Peso meio-pesado: Magomed Ankalaev derrotou Volkan Oezdemir na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

CARD PRELIMINAR (11h30, horário de Brasília)

Peso palha: Amanda Ribas derrotou Virna Jandiroba na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pena: Zubaira Tukhugov derrotou Ricardo Carcacinha na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso médio: Albert Duraev derrotou Roman Kopylov na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-27, 29-27)

Peso meio-médio: Elizeu Capoeira derrotou Benoit Saint-Denis na decisão unânime dos juízes (29-26, 29-26, 29-26)

Peso meio-pesado: Michal Olekzsiejczuk derrotou Shamil Gamzatov por nocaute técnico (socos) aos 3m31s do R1

Peso pena: Lerone Murphy derrotou Makwan Amirkhani por nocaute (joelhada voadora) aos 0m14s do R2

Peso médio: Andre Petroski derrotou Yaozong Hu por finalização (estrangulamento) aos 4m46s do R3

Peso mosca: Tagir Ulanbekov derrotou Allan Puro Osso na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Podcast #41: José Aldo de volta ao topo + Charles do Bronx e Amanda Nunes no UFC 269