AO VIVO

Acompanhe a PFL 5 2022, com esquadrão brasileiro em ação

Rogério Bontorin faz luta dura, mas é derrotado por Brandon Royval em resultado controverso

Brasileiro tem combate equilibrado e sofre revés na decisão dividida dos juízes; Brasil acaba o card do UFC Las Vegas 46 sem vitórias

Em luta equilibrada, R. Bontorin (esq.) é derrotado por B. Royval (esq.). Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Rogério Bontorin entrou no octógono do UFC Las Vegas 46 deste sábado (15) com a missão de salvar o ‘esquadrão brasileiro’, mas não conseguiu. Em combate no card principal do evento, válida pela divisão dos moscas (até 56,7kg.), o representante tupiniquim fez luta dura contra Brandon Royval e, em resultado controverso, acabou derrotado na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28).

PUBLICIDADE:

Veja Também

Rogério Bontorin, agora, sofre sua terceira derrota seguida, sendo a quarta na carreira. Ele tem um cartel de 16 resultados positivos, quatro negativos e um empate.

Após ser derrotado por Brandon Moreno e Alexandre Pantoja, Brandon Royval se recupera e volta a triunfar na organização. Em sua carreira, ele conta com um retrospecto de 17 resultados positivos, três negativos e uma luta ‘sem resultado’.

PUBLICIDADE:

A luta

Disposto a diminuir a desvantagem da envergadura, Bontorin utilizou de golpes na curta distância para tocar o rosto de Royval e, em momento equilibrado, o brasileiro aplicou uma boa queda para cair na posição de 100kg. Apesar de não ter sido efetivo na situação, Rogério seguiu investindo nas pegadas e levou vantagem no primeiro round.

A surpresa, no segundo round, foi com a tentativa de triângulo de Brandon Royval. Esperto com a pegada, Rogério Bontorin se antecipou na tentativa e caiu por cima na posição, embora não tivesse um sucesso na posição. Por cima, o brasileiro aplicou uma ‘bomba’ de direita que fez o norte-americano sentir. Ele ainda seguiu em posição de dominância até o final do assalto.

PUBLICIDADE:

Se deu certo, Bontorin repete. O brasileiro caiu por cima no terceiro round e pontuou para confirmar sua vitória com boas cotoveladas. A polêmica, no entanto, ficou por uma suposta batida em desistência de Rogério por uma tentativa de triângulo de Brandon Royval.

PUBLICIDADE:

Resultados do UFC Las Vegas 46

CARD PRINCIPAL (21h, horário de Brasília)

Peso pena: Calvin Kattar derrotou Giga Chikadze na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-44, 50-45)

Peso pesado: Jake Collier finalizou Chase Sherman com um mata-leão a 2m26s do R1

Peso mosca:  Brandon Royval derrotou Rogério Bontorin na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso mosca: Katlyn Chookagian derrotou Jennifer Maia na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve:  Viacheslav Borshchev derrotou Dakota Bush por nocaute técnico a 3m47s do R1

Peso pena: Bill Algeo derrotou Joanderson Tubarão na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 29-28)

CARD PRELIMINAR (19h, horário de Brasília)

Peso médio: Jamie Pickett derrotou Joseph Holmes na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio–médio: Court McGee derrotou Ramiz Brahimaj na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena: Brian Kelleher derrotou Kevin Croom na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso pena: TJ Brown derrotou Charles Rosa na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano