A uma vitória de disputa de cinturão, Brian Ortega e Zumbi Coreano trocam forças no UFC Ilha da Luta 6

Norte-americano e Chan Sung Jung prometem duelo emocionante sob a promessa de enfrentarem Alexander Volkanovski na sequência; Jéssica ‘Bate-Estaca’, Cláudio Hannibal, Thomas Almeida e Poliana Botelho também são atrações

B. Ortega (esq.) e Z. Coreano (dir.) fazem encarada antes do UFC Ilha da Luta 6. Foto: Reprodução/Instagram

Card importante para a divisão dos penas (até 65,7kg.). Neste sábado (17), pelo UFC Ilha da Luta 6, em Abu Dhabi, o Ultimate promove aos fãs 11 combates que prometem tirar o fôlego dos espectadores. Na luta principal, o espetáculo conhecerá o novo desafiante ao cinturão da categoria liderada por Alexander Volkanovski.

Veja Também

Podcast SUPER LUTAS #013 analisa tudo o que rolou no UFC Ilha da Luta 5
Zumbi Coreano esquece rivalidade e elogia Brian Ortega antes de duelo no UFC Ilha da Luta 6
Sem lutar desde 2018, Brian Ortega promete guerra contra o Zumbi Coreano: ‘Vamos para o hospital’
De cabeça raspada, Brian Ortega bate peso e garante luta contra ‘Zumbi Coreano’ no UFC Ilha da Luta 6

Assumindo o protagonismo do evento, Brian Ortega e Chan Sun Jung, o ‘Zumbi Coreano’, fazem um aguardado encontro no palco montado nos Emirados Árabes. Com a promessa de enfrentar o campeão na sequência, os combatentes darão tudo de si na última apresentação da noite.

Na luta co-principal, o Brasil estará em ação. Ex-campeã peso palha (até 52,1kg.), Jéssica Andrade, a ‘Bate-Estaca’, fará sua estreia na categoria das moscas (até 56,7kg.). Logo em seu primeiro compromisso, a paranaense terá a dura tarefa de bater a número um do ranking, Katlyn Chookagian, e uma vitória pode colocá-la na linha de frente para disputar o cinturão.

Além de ‘Bate-Estaca’, o verde e amarelo será levado ao octógono por mais três lutadores. No card principal, Cláudio Hannibal e Thomas Almeida serão os representantes. No preliminar, Poliana Botelho contará com a torcida tupiniquim.

Ortega x ‘Zumbi Coreano’

Além de uma oportunidade de desafiar o campeão, o card deste final de semana representa muito para Brian Ortega. Sem atuar desde dezembro de 2018, quando foi derrotado pelo então campeão, Max Holloway, na luta pelo título, o norte-americano precisa provar que ainda é tem condições de encarar os atletas da elite da divisão.

Contra Jung, Brian precisará frear a boa fase do rival e fazer valer o posto de 2º colocado no ranking dos penas. O lutador também precisará mostrar que não se deixou abalar após o último revés, que marcou sua primeira derrota na carreira.

Enquanto Ortega não atua há mais de um ano, o ‘Zumbi Coreano’ vem de dois compromissos bem-sucedidos em 2019. Em grande fase, Chan conquistou dois grandes nocautes em sua trajetória recente; um, contra Renato Moicano (em junho do ano passado) e o outro contra Frankie Edgar (em dezembro do ano passado).

Segundo o presidente do Ultimate, Dana White, o vencedor da luta principal deste final de semana estará automaticamente escalado para tentar encerrar o reinado de Volkanovski, campeão desde dezembro.

‘Bate-Estaca’ x Chookagian

Neste final de semana, a carismática Jéssica Andrade vai tentar provar que não há limites para o ser humano. No UFC Ilha da Luta 6, a brasileira fará história ao se tornar a primeira mulher a lutar em três categorias de peso diferentes na companhia.

A paranaense, no entanto, não terá vida fácil na sua estreia entre as moscas. ‘Bate-Estaca’ vai trocar forças contra a ex-desafiante ao cinturão da divisão, Katlyn Chookagian e, caso vença, se colocará em posição de destaque para pedir um embate contra a atual campeã, Valentina Shevchenko.

Hoje, Chookagian é a número um no ranking. Em sua última luta, em maio, a norte-americana desbancou a irmã da campeã, Antonina Shevchenko, em uma atuação dominante.

Jéssica, por sua vez, vem de derrota para Rose Namajunas em resultado apertado. O embate aconteceu em julho, pelo UFC 251.

Mais Brasil

Sem lutar há mais de um ano, Cláudio Hannibal está de volta. Considerado uma das grandes apostas brasileiras na divisão dos meio-médios (até 77kg.), o mato-grossense enfrentará James Krause. Além da oportunidade de voltar ao octógono, o tupiniquim colocará sua invencibilidade à prova mais uma vez. Hannibal nunca perdeu com as luvas da organização, em cinco compromissos.

Outro brasileiro que tem motivos de sobra para sorrir é Thomas Almeida. Mesmo tendo seu adversário alterado de última hora, o paulista comemora a volta à ativa depois de mais de dois anos afastado do esporte. Representante dos galos (até 61,2kg.), o atleta, neste sábado, vai atuar entre os penas (até 65,7kg.) e trocará forças com Jonathan Martinez, no card principal.

No preliminar, mais um retorno aguardado. Lutadora do peso mosca, Poliana Botelho, longe do esporte há mais de um ano, terá um novo teste e vai encarar Gillian Robertson. Mineira de Muriaé, a atleta não se apresenta desde o UFC 236, quando bateu Lauren Mueller. Um resultado positivo no final de semana pode colocar a atleta oficialmente no ranking, já que a adversária, hoje, figura na 15ª posição.

Ficha técnica do UFC Ilha da Luta 6

Data: 17 de setembro de 2020

Horário: A partir das 17h (horário de Brasília)

Local: UFC Fight Island, Abu Dhabi, Emirados Árabes

Como assistirSUPER LUTAS AO VIVO em tempo real e Canal Combate (todo o card) pela TV

CARD PRINCIPAL (20h, horário de Brasília)

Peso pena: Brian Ortega x Chan Sung Jung

Peso mosca: Katlyn Chookagian x Jéssica Bate-Estaca

Peso meio-pesado: Jimmy Crute x Modestas Bukauskas

Peso meio-médio: Cláudio Hannibal x James Krause

Peso pena: Thomas Almeida x Jonathan Martinez

CARD PRELIMINAR (17h, horário de Brasília)

Peso leve: Mateusz Gamrot x Guram Kutateladze

Peso mosca: Gillian Robertson x Poliana Botelho

Peso médio: Jun Yong Park x John Phillips

Peso leve: Jamie Mullarkey x Fares Ziam

Peso meio-pesado: Gadzhimurad Antigulov x Maxim Grishin

Peso galo: Said Nurmagomedov x Mark Striegl

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments