Alex Cowboy derrota Peter Sobotta em atuação dominante no UFC Ilha da Luta 3

Brasileiro não dá chances para rival e vence por pontos no card principal; Marina Rodriguez perde para Carla Esparza na decisão dividida dos juízes

A. Cowboy (dir.) derrota P. Sobotta (esq.) em combate dominante no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Facebook @UFC

O Cowboy está de volta. Primeiro brasileiro a se apresentar no card principal do UFC Ilha da Luta 3, realizado neste sábado (25), em Abu Dhabi, Alex Oliveira fez uma grande luta no confronto contra Peter Sobotta e venceu o rival na decisão unânime dos juízes.

Veja Também

Massaranduba salva Brasil no card preliminar com nocaute avassalador no UFC Ilha da Luta 3
UFC Ilha da Luta 3: Robert Whittaker x Darren Till – Resultados
SUPER LUTAS lança Podcast e debate cinturão de Deiveson Figueiredo no UFC; Escute!

O resultado comprovou o que Alex vinha falando nas semanas antes do confronto. O combatente afirmou que teve uma mudança drástica em seu estilo de vida e estava pronto para voltar a dar show para os fãs brasileiros.

A vitória sobre Sobotta marcou o segundo triunfo consecutivo de Cowboy após superar uma má fase que lhe rendeu três reveses em sequência entre 2018 e 2019.

A luta

No primeiro round, Alex começou ditando o ritmo do combate desde o começo. Apostando em chutes na linha de cintura, o brasileiro passou a incomodar o oponente com os ataques durante toda a etapa.

O segundo assalto seguiu com pressão total por parte de Cowboy. Com movimentação intensa, o lutador de Três Rios (RJ) mostrava muita segurança no confronto. Com golpes pontuais, o brasileiro seguia garantindo o resultado e abalando o oponente.

Na etapa final, Oliveira foi aconselhado por seus treinadores a diminuir o ritmo e administrar o resultado. O combatente seguiu as orientações, mas não fugiu do confronto. Ao fim do embate, Alex foi declarado vencedor na decisão unânime.

Carla Esparza tira invencibilidade de Marina Rodriguez

C. Esparza em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Não foi desta vez que Marina Rodriguez se aproximou do top 5 das palhas (até 52,1kg.). No confronto contra a ex-campeã da divisão, Carla Esparza, a gaúcha não conseguiu colocar sua estratégia em jogo e acabou sendo vítima das quedas da norte-americana. Ao fim de três rounds, Esparza foi declarada vencedora na decisão dividida dos juízes.

Carla subiu no octógono com o plano claro de evitar o confronto em pé contra Marina. Em todos os rounds, a norte-americana não topou a trocação franca e promoveu quedas em Rodriguez. O novo resultado positivo marcou a quarta vitória consecutiva de Esparza.

Marina precisava vencer para se aproximar do sonho de uma disputa de cinturão. Atualmente na 9ª posição no ranking, a brasileira terá que esperar um pouco mais para fazer uma luta pelo título.

Khamzat Chimaev derrota Rhys McKee na segunda luta em 10 dias

K. Chimaev derrotou R. McKee por nocaute no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Instagram

Neste sábado, Khamzat Chiamaev provou mais uma vez que é um nome a ser observado na divisão dos meio-médios. Após se apresentar no UFC Ilha da Luta 1, no último dia 15, o sueco topou o desafio de subir ao octógono dez anos depois para encarar Rhys McKee. O atleta não precisou de muito tempo para liquidar a fatura e conquistou a vitória com um nocaute em menos de quatro minutos.

Esta foi a oitava apresentação de Chimaev desde sua estreia no MMA profissional. Aos 26 anos, o combatente tem mostrado versatilidade, alternando triunfos entre nocautes e finalizações.

O confronto deste final de semana marcou a estreia de Rhys no UFC. O atleta de 24 anos vinha de três vitórias consecutivas no Cage Warriors.

Resultados do UFC Ilha da Luta 3

CARD PRINCIPAL

Peso médio: Robert Whittaker derrotou Darren Till na decisão unânime dos juízes  (48-47, 48-47, 48-47)

Peso meio-pesado: Maurício Shogun derrotou Rogério Minotouro na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado: Fabrício Werdum finalizou Alexander Gustafsson com uma chave de braço a 2m30s do R1

Peso palha: Carla Esparza derrotou Marina Rodriguez na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso meio-pesado: Paul Craig finalizou Gadzhimurad Antigulov com um triângulo a 2m06s do R1

Peso meio-médio: Alex Cowboy derrotou Peter Sobotta na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio: Khamzat Chimaev derrotou Rhys McKee por nocaute técnico a 3m09s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Francisco Massaranduba derrotou Jai Herbert por nocaute 1m30 do R3

Peso meio-médio: Jesse Ronson finalizou Nicolas Dalby com um mata-leão a 2m48s do R1

Peso pesado: Tom Aspinall derrotou Jake Collier por nocaute técnico a 45s do R1

Peso pena: Movsar Evloev derrotou Mike Grundy na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso pesado: Tanner Boser derrotou Raphael Bebezão por nocaute técnico a 2m36s do R2

Peso galo: Pannie Kianzad derrotou Bethe Pitbull na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso meio-médio: Ramazan Emeev derrotou Niklas Stolze na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso galo: Nathaniel Wood derrotou John Castañeda na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments