Massaranduba salva Brasil no card preliminar com nocaute avassalador no UFC Ilha da Luta 3

Francisco tem luta dura, mas supera Jai Herbert no terceiro round; Bethe Pitbull e Raphael Bebezão perdem seus compromissos

F. Massaranduba em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Terceiro brasileiro a subir no octógono no UFC Ilha da Luta 3, realizado neste sábado (25), em Abu Dhabi, Francisco Massaranduba salvou os tupiniquins sendo o único a vencer no card preliminar do evento. O atleta teve um desafio duro contra Jai Herbert, mas conseguiu superar o rival com um nocaute fulminante no terceiro round. Bethe Pitbull e Raphael Bebezão acabaram derrotados em seus confrontos.

Veja Também

UFC Ilha da Luta 3: Robert Whittaker x Darren Till – Resultados
Robert Whittaker derrota Darren Till na luta principal do UFC Ilha da Luta 3
SUPER LUTAS lança Podcast e debate cinturão de Deiveson Figueiredo no UFC; Escute!

Com o resultado, Francisco confirmou a boa fase na carreira chegando à terceira vitória na seguida. Aos 41 anos, o atleta mostrou que ainda é capaz de atuar em alto nível contra adversários mais jovens.

Na entrevista após o duelo, no entanto, Massaranduba, que falhou no corte de peso na última sexta-feira (24), confirmou que passará a atuar entre os meio-médios (até 77kg.) a partir de seu próximo compromisso.

Perguntado sobre um possível adversário, o brasileiro citou Mike Perry e Donald Cerrone como oponentes que gostaria de enfrentar.

A luta

No começo do confronto, Massaranduba parecia que teria um compromisso fácil contra o estreante Jai. Logo no início, Francisco conseguiu encurtar a distância e levar o rival para o chão, dominando o adversário por quase cinco minutos e quase chegando à finalização.

Na segunda etapa, no entanto, Herbert conseguiu derrubar o brasileiro com um direto singular. A partir daí, a luta começou a mudar para o brasiliense. O inglês dominou as ações e quase encaixou um mata-leão em Massaranduba, que mostrou raça para resistir.

O último round representou o tira-teima para os pesos leves (até 70,3kg.). Francisco, então, partiu para cima do oponente e conectou um soco de rara felicidade, que fez com que o oponente desabasse imediatamente. Após o ataque, Massaranduba continuou batendo até a interrupção do árbitro.

Bebezão sofre nocaute para Tanner Boser e perde segunda no UFC

T. Boser derrotou R. Bebezão por nocaute no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Instagram

Representante dos pesados (até 120,2kg.), Raphael Bebezão foi derrotado para Tanner Boser em combate morno. Após um primeiro round de bastante estudo, o brasileiro acabou sentindo o peso da mão esquerda do canadense e foi a nocaute no segundo assalto.

Esta foi o segundo resultado negativo de Raphael em três apresentações pelo Ultimate. Bebezão não atuava desde outubro do ano passado, quando bateu Jeff Hughes no UFC Singapura.

Chamado de última hora para substituir Justin Tafa, que enfrentaria o carioca no confronto, Boser confirmou a boa fase e conquistou a segunda vitória consecutiva na organização. O canadense havia derrotado o também brasileiro Philipe Lins no final de junho.

Bethe Correia tem atuação apagada e é derrotada por Pannie Kianzad

B. Correia (esq.) perdeu para P. Kianzad (dir.) no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Instagram

Primeira representante brasileira na noite, Bethe Correia, a ‘Pitbull’, não se encontrou na luta contra Pannie Kianzad e acabou perdendo para a adversária. Em luta disputada quase toda em pé, a paraibana sucumbiu à qualidade técnica da sueca e foi derrotada na decisão unânime dos juízes.

‘Pitbull’ acabou sendo dominada nos dois primeiros rounds e teve que buscar o resultado no último assalto. A brasileira, no entanto, não conseguiu se recuperar e amargou a terceira derrota nos últimos cinco compromissos.

No confronto contra Bethe, Pannie atingiu a marca de três apresentações no UFC. Batida por Julia Avila em sua estreia, em junho do ano passado, a sueca se recuperou na luta seguinte e, agora, voltou a conquistar um resultado positivo. O triunfo deve colocar Kianzad no top 15 da divisão das galos (até 61,2kg.).

Tom Aspinnal estreia com nocaute brutal no UFC

T. Aspinnal (esq.) aplica duro nocaute em J. Collier (dir.) no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Instagram

Um dos estreantes da noite, Tom Aspinnal chegou com o pé direito no Ultimate. No confronto contra Jake Collier, o inglês deu seu cartão de visitas com um nocaute brutal no norte-americano com apenas 45 segundos do primeiro round.

Esta foi a 10ª apresentação de Tom desde sua estreia como profissional no MMA. Conhecido pela força nos punhos, Aspinnal chegou ao sexto nocaute em oito triunfos no esporte.

Neste final de semana, Collier promovia seu retorno ao octógono após mais de dois anos sem atuar. O atleta vinha de vitória sobre Marcel Fortuna em novembro de 2017.

Resultados do UFC Ilha da Luta 3

CARD PRINCIPAL

Peso médio: Robert Whittaker derrotou Darren Till na decisão unânime dos juízes  (48-47, 48-47, 48-47)

Peso meio-pesado: Maurício Shogun derrotou Rogério Minotouro na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pesado: Fabrício Werdum finalizou Alexander Gustafsson com uma chave de braço a 2m30s do R1

Peso palha: Carla Esparza derrotou Marina Rodriguez na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso meio-pesado: Paul Craig finalizou Gadzhimurad Antigulov com um triângulo a 2m06s do R1

Peso meio-médio: Alex Cowboy derrotou Peter Sobotta na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio: Khamzat Chimaev derrotou Rhys McKee por nocaute técnico a 3m09s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Francisco Massaranduba derrotou Jai Herbert por nocaute 1m30 do R3

Peso meio-médio: Jesse Ronson finalizou Nicolas Dalby com um mata-leão a 2m48s do R1

Peso pesado: Tom Aspinall derrotou Jake Collier por nocaute técnico a 45s do R1

Peso pena: Movsar Evloev derrotou Mike Grundy na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso pesado: Tanner Boser derrotou Raphael Bebezão por nocaute técnico a 2m36s do R2

Peso galo: Pannie Kianzad derrotou Bethe Pitbull na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso meio-médio: Ramazan Emeev derrotou Niklas Stolze na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso galo: Nathaniel Wood derrotou John Castañeda na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments