Thiago Marreta lidera esquadrão brasileiro no UFC São Paulo neste sábado

Brasil terá 14 atletas no card que fecha a temporada de eventos no país em 2018

T. Marrera (esq.) e E. Anders (dir.) se enfrentam na luta principal. Foto: Reprodução/Facebook ufc

O Ultimate fecha com chave de ouro suas passagens pelo Brasil em 2018 neste sábado (22). O UFC Fight Night São Paulo terá a participação de atletas do país em todos os 14 combates. Na luta principal da noite, Thiago Marreta’ Santos enfrenta o norte-americano Eryk Anders pela divisão de meio-pesados (até 93kg.). Os dois lutadores são oriundos da categoria dos médios (até 84kg.) e farão sua primeira experiência no peso acima.

Veja Também

Manuwa deixa luta principal do UFC São Paulo; Marreta agora encara Eryk Anders
UFC São Paulo: Marreta e Anders confirmam luta principal, mas Barão não bate o peso
Do Bronx e Capoeira são favoritos no card preliminar do UFC São Paulo

No evento co-principal o Cowboy brasileiro, Alex Oliveira ficará frente a frente com o italiano Carlo Pedersoli pelos meio-médios (até 77,1 kg.).

Além de Marreta e Cowboy, o Brasil estará representado no octógno por nomes como: Rogério Minotouro, Renan Barão, Marina Rodriguez, Charles do Bronx, Francisco Massaranduba, Luis Henrique KLB, Augusto Sakai, Serginho Moraes, Mayra Sheetara, Thales Leites, Elizeu Capoeira e Lívia Renata Souza.

O card do UFC São Paulo começa às 19h30 (horário de Brasília) com o evento preliminar. As lutas principais acontecem a partir das 23h30.

Marreta x Anders

Depois de muitas reviravoltas, a luta principal será protagonizada por Thiago ‘Marreta’ Santos e Eryk Anders. Inicialmente, o card foi anunciado com Glover Teixeira e Jimi Manuwa, mas os dois lutadores sofreram lesão e foram substituídos. Contudo, o brasileiro e o norte-americano, que são oriundos dos pesos médios, vão fazer sua primeira experiência nos meio-pesados no UFC São Paulo. Eles farão um duelo que promete ser muito movimentado.

Thiago Marreta tem 24 confrontos em sua carreira, sendo 18 vitórias e seis derrotas. Em 12 oportunidades o brasileiro superou seu adversário com nocaute. Em seu último compromisso, o carioca venceu Kevin Holland por decisão unânime pelo peso médio.

Com poucos dias para se preparar, Eryk Anders chega a São Paulo com bom retrospecto. O norte-americano de ‘alma brasileira’ vem de nocaute sobre Tim William no UFC Calgary em agosto. O também nocauteador tem um cartel de 12 combates, sendo 11 vitórias e uma derrota. Seu único revés foi contra Lyoto Machida em fevereiro no UFC Belém.

O Brasil no card principal

No card principal o Brasil terá cinco lutadores: Thiago Marreta, Alex Cowboy, Rogério Minotouro, Renan Barão, Marina Rodriguez.

No evento co-principal Alex Cowboy enfrenta Carlo Pedersoli pelos meio-médios. O brasileiro é um dos atletas mais identificado com o público e fará sua quinta luta no país. Em seu último confronto, o atleta da Tata Fight Team venceu o ex-campeão Carlos Condit no UFC Glandale em abril deste ano. Nos três combates mais recentes, ele faturou três bônus – dois por performance e um como “Luta da Noite”.

Uma das lendas do MMA, Rogério Minotouro retorna ao octógono após ter ficado quase dois anos sem lutar. Ele vai enfrentar Sam Alvey que vem embalado por duas vitórias consecutivas. Em seu último compromisso, o brasileiro foi derrotado por Ryan Bader no UFC São Paulo em novembro de 2016. O lutador brasileiro tem em sua carreira 30 combates, sendo 22 triunfos e oito reveses. O baiano terminou sete combates com um nocaute e seis por finalização.

O ex-campeão brasileiro, Renan Barão vive uma má fase no Ultimate. Ele vem de duas derrotas consecutivas para Aljamain Sterling e Brian Kelleher. No card do UFC São Paulo, o potiguar busca recuperação nos pesos galos sobre Andre Ewell. O lutador tem na carreira 40 combates, sendo 35 triunfos e seis reveses. Em 15 oportunidades, ele superou o oponente por finalização.

Marina Rodriguez fará sua estreia no UFC neste sábado. A brasileira descoberta no programa Contender Series encara Randa Markos pelos palhas feminino. A gaúcha se mantém invicta após 10 confrontos em sua carreira no MMA profissional. Em cinco oportunidades ela terminou seus combates com nocaute.

A representação brasileira no card preliminar

No card preliminar do UFC São Paulo, o Brasil terá nove lutadores: Charles do Bronx, Francisco Massaranduba, Luis Henrique KLB, Augusto Sakai, Serginho Moraes, Mayra Sheetara, Thales Leites, Elizeu Capoeira e Lívia Renata Souza.

O brasileiro que encerra o card preliminar é Charles do Bronx. Ele terá pela frente Christos Giagos pelos pesos leves. O confronto marcará a 20ª luta do brasileiro no UFC. O lutador vem de vitória por finalização contra Clay Guida, no UFC 225, em junho.

Um dos brasileiros mais queridos do UFC, Francisco Massaranduba luta contra Evan Dunham. O piauiense passa por uma fase instável na carreira. Após acumular sete vitórias seguidas entre 2014 e 2016, o brasileiro sofreu duas derrotas em suas últimas três lutas – para Kevin Lee e James Vick. Ele tem cartel de 22 vitórias e apenas seis derrotas como profissional.

Luis Henrique KLB encara Ryan Spann em seu sexto confronto no UFC. O brasileiro possui cartel de 10 vitórias, quatro derrotas e uma luta sem resultado. Ele vem de dois resultados negativos, contra Marcin Tybura e Arjan Bhullar.

Cria do Conterder Series, Augusto Sakai vai estrear contra Chase Sherman pelos pesos pesados. Lutando profissionalmente desde 2011, o brasileiro possui um currículo de 11 vitórias, um empate e apenas uma derrota.

Serginho Moraes vai encarar Ben Saunders pelos meio-médios. O brasileiro vai em busca de uma vitória para entrar no TOP 15 da divisão. Em dez lutas, o lutador fez sete em solo brasileiro. O paulista vinha de uma invencibilidade de cinco anos até ser derrotado por Kamaru Usman em setembro do ano passado. Em seu último compromisso, ele venceu Tim Means em Belém no início do ano.

Descoberta no programa Contender Series Brasil, Mayra Sheetara fará sua estreia contra Gillian Robertson no sábado. Ela tem um cartel invicto com quatro vitórias.

Thales Leites fará sua última luta no MMA profissional contra Hector Lombard no UFC São Paulo. Aos 37 anos, o brasileiro vem de duas derrotas consecutivas. O carioca busca recuperação no evento para se despedir com vitória. Profissional desde 2003, ele acumula 27 vitórias e nove derrotas. O ponto alto de sua carreira foi em 2009, quando enfrentou Anderson Silva pelo cinturão dos médios da organização. O lutador foi superado na decisão unânime dos juízes.

Elizeu Capoeira encara Luigi Vendramini pelos meio-médios. Mesmo com cinco vitórias seguidas, o brasileiro ocupa a 15ª colocação no ranking da divisão. Aos 31 anos, o lutador tem em sua carreira 24 combates, sendo 19 triunfos e cinco reveses. Em 13 vezes, o brasileiro saiu com o braço levantado por nocautear seus oponentes.

Livia Renata Souza vai pisar pela primeira vez no octógono do UFC neste sábado. A peso palha vai encarar Alex Chambers. ‘Livinha’ é ex-campeã Invicta FC e tem um cartel com 11 vitórias em 12 lutas disputadas. Ela é apontada com uma das revelações do MMA brasileiro.

Ficha técnica do UFC São Paulo

DATA E HORÁRIO: 22/09/2018, a partir das 19h30 (horário de Brasília)

LOCAL: Ginásio do Ibirapuera, São Paulo, Brasil

TRANSMISSÃO: Canal Combate

Card Principal

Peso meio-pesado: Thiago Marreta x Eryk Anders

Peso meio-médio: Alex Cowboy x Carlo Pedersoli

Peso meio-pesado: Rogério Minotouro x Sam Alvey

Peso galo: Renan Barão x Andre Ewell

Peso palha: Randa Markos x Marina Rodriguez

Card Preliminar

Peso leve: Charles do Bronx x Christos Giagos

Peso leve: Francisco Massaranduba x Evan Dunham

Peso meio-pesado: Luis Henrique KLB x Ryan Spann

Peso pesado: Augusto Sakai x Chase Sherman

Peso meio-médio: Serginho Moraes x Ben Saunders

Peso mosca: Mayra Sheetara x Gillian Robertson

Peso médio: Thales Leites x Hector Lombard

Peso meio-médio: Elizeu Capoeira x Luigi Vendramini

Peso palha: Lívia Renata Souza x Alex Chambers

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário